quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Saudades!





Tenho 31 anos, e há 30, John era assassinado, covardemente, à tiros, na porta do prédio em que morava, quando entrava com a Yoko para ver o Sean, antes de procurar um restaurante para jantar. Voltavam de mais uma sessão de gravação.

Depois de uma vida turbulenta, cheia de álcool, drogas e farra, aos 40 anos John estava tranquilo e feliz! Apaixonado por Yoko, e aproveitando ao máximo sua experiência como pai do Sean (com Julian isso não foi possível por causa das intermináveis turnês com os Beatles).
Estava feliz!
Só queria ser marido, pai, e fazer música!

Mas alguém lhe roubou o futuro lindo que havia pela frente.

Uma viúva, dois órfãos de pai, e um mundo inteiro de fãs, para sempre com os corações despedaçados por essa perda!

Eu tinha 1 ano e 5 meses quando ele se foi, mas sinto um aperto tão grande no peito, como se o tivesse conhecido pela vida toda.

Luto eterno.

2 comentários:

AVOH disse...

crawkOiiii, Lindona!!

Não tenho nada contra o Paul, mas quando se fala de Beatles, a imagem que me vem à mente é a do John. Estava na pré-adolescência, fase de grandes transformações e sonhos. Sonhos embalados por Woman... sonhos com o primeiro amor (platônico!!). Saudades...

Saudades de você, também.
Beijão.
Alisson

Maristela... disse...

Por mais que me esforce, não consigo entender essa fascinação toda...